Décor para quem mora de aluguel

Quem mora de aluguel sabe o quanto pode ser difícil deixar a decoração com a sua cara. Normalmente existem diversas limitações, como não pintar ou furar as paredes, não remover portas, não trocar torneiras e metais sanitários… Bom, mas também não dá pra desanimar e se dar por vencida, certo? As dicas abaixo provam que é possível, sim, ter um espaço bacana mesmo quando o seu nominho não está na escritura do imóvel. Olha só:

Disfarces perfeitos | Os principais dilemas envolvem os elementos estruturais, que só poderiam ser alterados com uma reforma. Às vezes o piso original é feio, as janelas estão meio acabadinhas, a cuba do banheiro é antiga e colorida… Mas até isso tem solução, basta pensar em maneiras de disfarçar o que você menos gosta.

Para cobrir o revestimento do piso use dois tapetes sobrepostos – de preferência um modelo grandão de cor neutra embaixo e uma versão estampada e um pouco menor por cima. Nas janelas use a mesma lógica: esconda a vista feia ou a moldura desgastada com uma cortina levinha e alguns penduricalhos fofos (vale até prender um pisca-pisca no varão da cortina para deixar o ambiente mais gostoso). Já no banheiro velho o segredo está em decorar o espaço com detalhes incomuns, como plantas, potes de cerâmica e até quadros (fixados com aqueles adesivos que dispensam pregos) – assim ninguém vai reparar na cuba ou nos azulejos.

Móveis soltos | Não dá para investir em um armário incrível de marcenaria se você mora em um apê alugado, então nesses casos a saída é procurar móveis soltos e práticos que possam ser levados para um futuro endereço sem grandes problemas. Crie um guarda-roupa temporário usando araras para as peças penduradas em cabides e compre uma cômoda pequena para os itens que devem ficar dobradinhos. Na sala apoie a televisão em um gabinete ou rack com gavetas e portas para que você possa esconder a bagunça dos fios e guardar DVDs e afins. E na cozinha vale comprar estantes abertas para deixar as panelas e utensílios à mostra e de repente usar uma cortininha sob a pia para camuflar a tubulação de um jeito delicado e barato.

Iluminação aconchegante | As casas e apartamentos convencionais normalmente têm apenas um ponto de luz centralizado nos cômodos e pronto. E você, é claro, não vai querer gastar com um eletricista para tentar aumentar o número de luminárias no teto, certo? Compense a falta de opção com abajures de mesa e de piso, lanternas japonesas com fiação aparente ou até luzinhas de Natal. Assim você ganha aquela “meia luz” no final do dia e depois pode levar as luminárias para a próxima casa quando se mudar.

Paredes lindas | É duro não poder pintar a parede de roxo, cinza ou da sua cor preferida, né? Mas nem por isso elas precisam ficar branquinhas e totalmente sem graça. Se quiser revestir tudo, use tecidos adesivos, que podem ser retirados facilmente e não deixarão marcas. Existem diversas estampas no mercado, o resultado fica lindo e ainda dá para aplicar sozinha. Outra opção menos drástica de mudar a cara do ambiente é usando quadros e pôsteres – ao invés de pregá-los e fazer furos indesejados, use os tais adesivos próprios para isso. Curte o efeito colorido das washi tapes? Então tente criar uma arte com essas fitas, por que não?

Use as fotos do post para se inspirar e mãos à obra!

1 comentário COMENTE TAMBÉM

Os Papéis de Parede com base feita em TNT, podem ser retirados da parede e reaplicados até 3 vezes!!! Ou seja, você pode usá-los no seu apto alugado e levá-los com você quando se mudar, para reutilizar na casa nova!!! E o melhor, quando retirados, a parede de trás está novinha em folha! http://www.decorecomigo.com.br/www.jvnproducts.com.br
Bjsss
Mari Mori

Comentários fechados.

quem faz os achados
Colaboradores

Clique para fechar