Massagem Abhyanga

Quem me acompanha no stories sabe que eu faço quase toda semana a massagem abhyanga com a Vanessa Martino, amiga e profissional que eu adoro e super indico. Pedi a ela que escrevesse mais afundo sobre a prática que está longe de ser uma drenagem ou massagem relaxante. Ela promove MUITOS benefícios fora os que são sentidos imediatamente após a sessão. Curiosas? Confiram:

___

A massagem a Abhyanga faz parte do Ayurveda, uma filosofia milenar indiana que visa a promoção da saúde, prevenção e cura de doenças, utilizando-se de massagens, procedimentos com óleos vegetais ou a base de gordura do leite, medicamentos à base de ervas, uma alimentação rica, nutritiva, limpa e variada, técnicas de limpeza e purificação. O Ayurveda é uma terapia integral que leva em consideração a unicidade do ser.

A massagem Abhyanga tem como objetivo equilibrar as desarmonias do paciente (promover saúde) e dinamizar a bioenergia em todo seu corpo, algo que fazemos também durante as aulas de yoga. Essa massagem é feita com óleos vegetais, com movimentos vigorosos e circulares espalhando ácido lático e relaxando toda musculatura. É muito importante que o ambiente esteja fechado.

O óleo vegetal tem propriedades importantes para nutrição da pele e articulações, inibe ressecamentos, levemente aquecido, estimula a circulação sanguínea dos pés até a cabeça proporcionando enorme sensação de bem estar.

A Abhyanga faz parte de um tratamento completo Ayurveda, sozinha sem avaliação de um terapeuta não se caracteriza como tratamento, apesar de trazer inúmeros benefícios.

A massagem relaxa a musculatura do pescoço, costas, braços, abdômen (massageando e estimulando órgãos internos, proporcionando melhor funcionamento dos intestinos), pernas e inclusive os pés. Também o rosto é massageado e, por fim, a cabeça, que merece total atenção em relação às tensões, e estímulo dos folículos capilares.

Tem a principal intenção de fortalecer o Agni, fogo digestivo de qualquer tipo de metabolização ou assimilação feita pelo nosso organismo, a partir dos 5 sentidos, e também colocar prana, a bioenergia, para circular.

Não é uma massagem qualquer de relaxamento, tem um sentido dentro de toda a filosofia do Ayurveda, dentro dos tratamentos e principalmente do estilo de vida que você escolheu, mexe muito com o corpo externo, mas é profunda suficiente pra atuar também na mente.

Ayurveda é uma forma de pensar, de viver, de tratar-se, de cuidar da saúde dentro de um âmbito integral, entre corpo mente e espírito.

___

E aí? Ficaram curiosas para testar?

O contato da Van é nessa.martino@gmail.com

Deixe uma resposta