Doucement, por Tati Baronian

Conheci a Tati Baronian antes dela lançar sua marca de roupas homônimas e, logo de cara, já gostei do seu jeito agitado, decidido e super, mas suuuper perfeccionista e atenta aos detalhes. Desde a sua primeira coleção venho colecionando um modelo a cada nova criação, pois me identifico demais com o trabalho manual de bordado à mão, feitos ponto a ponto por pequenos artesãos ou, em sua maioria, pela família da Tati. Também fico admirada com a preciosidade nos acabamentos, coisa que infelizmente com o fast fashion de hoje em dia não vemos tanto…

Tenho três vestidos com seus icônicos “pontos-cruz” – dois pretos e um vermelho que chamam a atenção sempre que eu uso! E, quando vi as fotos do lookbook Verão 18, quase caí pra trás, especialmente com esse vestido preto que escolhi para ilustrar a capa do post. Desenho #real #oficial! =)

Doucement é a palavra francesa que define esta nova coleção. Em tradução literal significa devagar, suavemente, com calma, sem pressa. As coleções sempre começam pelo bordado, que são a parte principal do trabalho da marca.  Como uma evolução das estações anteriores, as flores bordadas deste verão desabrocharam e ganharam cor. E é preciso tempo para as flores desabrocharem…! As flores, suas pétalas, folhas e cores fortes viraram bordados para adornar com muita feminilidade toda a coleção. Os bordados, unidos a modelagem bem femininas, como vestidos, ombros e braços a mostra deixa tudo ainda mais especial e delicado.

Todo esse amor empenhado na coleção, com o tempo, doucement, desabrochou em flor. Amei! Orgulho, amiga. Você vai looonge! <3

1 comentário COMENTE TAMBÉM

Deixe uma resposta

quem faz os achados
Colaboradores

Clique para fechar